O Garotão e o quarentão - 7

O Garotão e o quarentão - 7

O Garotão e o quarentão - 7

 

Estava perto da ultima porta do ultimo reservado então comecei a ouvir gemidos, eu conhecia aquele tipo de gemido, tinha alguém recebendo um boquete ali! Minha boca secou, eu punho se fechou, meu sangue ferveu, minhas vistas começaram a escurecer de raiva parei diante daquela porta de onde suspiros e gemidos saiam em minha mente eu via Hercules de joelhos chupando Marcelo e aquilo me deixava ainda mais furioso e sem cerimonia alguma bati na porta então a porta se abriu e uma voz masculina gritou de la de dentro:

_ Desculpa ai seu guarda nos...

_ Que guarda o que, é só um coroa tarado! Ta querendo o que coroa? Ta afim também é? Ou curte só assistir?

Disse o rapaz sacudindo o pau para fora da sunga vermelha enquanto o outro tentava esconder o rosto sentado no vaso.

_ Desculpa ai eu pensei que...

Sai dali morrendo de vergonha e um pouco de medo de apanhar, pois o cara era bem forte, mas como ele também estava errado provavelmente não iria querer chamar a atenção.

De longe avistei Hercules meu coração se acalmou e fui ao seu encontro.

_ Onde você estava? Fiquei preocupado e fui te procurar.

_ Fui comprar um sorvete esta muito calor, quer? Comprei seu sabor favorito flocos!

Disse meu amasio me oferecendo sorvete. Mais calmo olhei em volta e todos estavam tomando sorvete, embora eu estivesse errado sobre onde, não estava em com quem meu Hercules estava, Marcelo!

_ Obrigado meu amor, sempre atencioso comigo hem?

_ Sempre meu ursão!

O resto do dia correu bem e Marcelo não desgrudava de Hercules usando como desculpa o filho com James que pareciam não cansar de tantas brincadeiras. Felizmente consegui arrastar meu Hercules para dar uma descansada no quarto e dormimos um pouco abraçados, não chegamos a transar, mas foi muito bom ficar acordar e ficar deitado sentindo as caricias de Hercules, seus beijos, chupões e claro me esbaldar sentindo aquele corpo lindo e gostoso do meu jovem amado.

Sentimos fome e descemos para tomarmos o café da tarde e la encontramos todos em uma so mesa Laura, James, Marcelo a esposa e seus dois filhos. Começamos a comer e logo estudo meu nome:

_ Ei Otavio!

_ Finalmente conseguiu chegar Demetrius.

Disse eu me levantando e cumprimentando o homem de terno que havia chegado.

_ O Leonardo me prendeu no escritório, como eu havia te dito eu tinha uma papelada para assinar quando de repente o Leonardo me chama para cuidar do filho problemático daquele vereador cliente dele.

_ Que fria Demetrius e porque não pediu para ele mandar outro?

_ Quem a dupla dinâmica? Sabe que o vereador nunca permitiria que eles cuidassem do caso e os outros provavelmente desligaram os celulares ou inventaram alguma coisa você sabe como é...

_ È sei sim ali todo mundo é esperto.

_ Por isso teremos que ser mais que eles!

_ Desculpem pessoal nem apresentei a vocês, esse é o Dr. Demetrius trabalha comigo no escritório.

Mesmo sendo simpático percebi que o semblante de Hercules mudou.

_ Boa tarde a todos, eu apresentaria minha esposa, mas ela foi direto para o quarto descansar da viajem.

_ Sei como é também fico bem cansada após algum tempo de estrada.

Disse Laura.

_ Podemos conversar agora?

_ Claro que sim, já volto.

Disse colocando a mão no ombro de Hercules e fui sentar em outra mesa com Demetrius. As horas se passaram e nem percebi o sol se por, acabei jantando com Demetrius e continuamos a conversar de negócios, mais tarde sua esposa chegou nos cumprimentou e Demetrius a levou a mesa onde Laura e os outros estavam e voltamos a conversar.

_ Você mentiu!

Disse Laura com tom de raiva para mim puxando uma cadeira e sentando mais próxima de mim olhando em meus olhos e apontando o dedo para minha cara. Neste momento Demetrius tinha ido ao banheiro e eu estava sentado a mesa sozinho, olhei e o salão estava vazio.

_ Não sei do que esta falando.

_ Você disse que tinha feito isso, essa viajem por conta do Hercules, mas isso é mentira! Fiquei com isso o dia todo martelando minha cabeça se era um fim de semana para v elo feliz, para você dar mais atenção a ele porque trazer o James e eu? E agora esta aqui minha resposta, éramos a distração não era?

_ Laura...

_ Francamente Otavio! Você não muda não é? Sempre um egoísta que pensa só em si mesmo!

_ Laura estou fazendo isso por nos dois, Demetrius e eu estamos planejando uma sociedade assim poderei ter meu próprio escritório fazer meus horários terei mais tempo para Hercules, traze lo para ca o deixaria mais calmo, mais feliz eu fiquei com ele o dia todo veja como ele esta feliz, alegre e sim você e o James me ajudaria a interte lo enquanto eu conversava com Demetrius e foi o que aconteceu pronto porque tanto drama?

_ Você deu atenção ao Hercules porque seu amigo chegou agora, desde que ele apareceu se quer olhou para o Hercules sabe onde ele esta agora?

_ Não vai me dizer que com aquele tal de Marcelo?

_ Se fosse eu estaria!

_ Laura...

_ Não Otavio, ele esta no quarto com James.

_ Ufa! Você quer é me matar do coração né? Um dos motivos que o trouxe foi justamente para afasta lo um pouco de um tal de Dino.

Disse aliviando meu coração e colocando a mão no rosto, limpando o suor frio.

_ Eu sabia que tinha algo por trás disso!

_ Não tem nada de errado, apenas queria ficar perto do meu amado, afasta lo desse “amiguinho” dele, mudar um pouco de ares, dar um pouco de diversão a ele, ao James, a você e sim não vou negar tratar de alguns negócios com o Demetrius e se isso der certo sera ótimo para nos dois Hercules e eu. Terei mais tempo, ficarei menos estressado...

_ Sei... quer saber faça como quiser Otavio!

_ Sempre querendo me colocar como o carrasco da historia não é? Você sempre foi assim desde que éramos crianças!

_ Não irmão, estou sempre tentando fazer você perceber que você não é o centro do universo como se imagina. E aproveitando la vai um conselho: Se o que eu intendi direito pelas poucas palavras que Demetrius disse na mesa você terá muita coisa a se explicar ao Hercules.

_ Laura não coloque coisas na cabeça do Hercules, você sabe que não é tão simples eu...

_ Guarde suas explicações para ele, já não me meto mais nisso a tempos, não estou aqui por você, mas por ele. O Hercules é uma boa pessoa não o faça sofrer!

_ Eu o amo, so quero seu bem.                   

_ Então demonstre isso, pois do contrario vai perde lo e quem vai acabar com “coisas” na cabeça será você!

Disse Laura que logo se virou e saiu me deixando falando sozinho, logo Demetrius se aproximou e conversamos por mais alguns minutos.

 

Continua...

 

Autor: Mrpr2

comente

Nenhum comentário encontrado.

Novo comentário